PEGA PEGA – 14ª CIPM dá início á OPERAÇÃO MUQUÉM.

Com reforço de contingentes, viaturas e armamentos, Polícia Militar começa abordagem de veículos e pessoas, além de inquietação nos conhecidos redutos frequentados pela bandidagem.

Roberto Naborfazan

Policiamento ostensivo/preventivo intensificado na região.

Com objetivo de garantir a segurança dos turistas, viajantes, romeiros e moradores da cidade de Alto Paraíso que seguem rumo ao Romaria do Muquém, o comandante da 14ª CIPM, Josué Cardoso, desencadeou a Operação Muquém 2017.

Segundo o comandante, o fato de nesse período muitas residências ficarem sozinhas, devido a ausência de seus proprietário que vão para a festa, e também o aumento da população flutuante na região, é natural que infratores da lei aproveitem a situação para cometerem pequenos delitos.

Polícia Militar atuará com mais rigor na abordagem de veículos e pessoas.

Pensando nisso, a Polícia Militar, de forma estratégica, intensificou a modalidade de policiamento ostensivo/preventivo com saturação de quadrantes, inquietação, abordagens, buscas pessoais e veiculares no sentido de ofertar maior sensação de segurança, tanto para os moradores da cidade, quanto para os romeiros, turistas e viajantes que transitam pela região.

A Romaria ao Muquém existe desde o século XVIII, no período da mineração e da escravidão. É tradição há 266 anos, e desde 1748, é considerada uma das maiores do mundo, além de ser a celebração religiosa mais antiga de Goiás. A romaria acontece todos os anos na primeira quinzena do mês de agosto, no povoado de Muquém, município de Niquelândia, que está aproximadamente 215 km da cidade de Alto Paraíso de Goiás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *